fbpx
Dicas de organização

Práticas Sustentáveis: 8 dicas para inserir na sua rotina

Difícil encontrar alguém que nunca ouviu sobre o tema sustentabilidade hoje em dia. Ocupando cada vez mais as pautas dos noticiários, programas de televisão e das redes sociais, a sustentabilidade se tornou assunto recorrente principalmente quando grandes catástrofes ambientais acontecem ou quando os termômetros marcam recordes de temperatura.

Tudo isso pode parecer distante da sua realidade, como se o impacto ambiental causado pelas ações humanas fosse um problema que deva ser solucionado apenas pelos nossos governantes.

Porém, quando se trata de práticas sustentáveis, a responsabilidade sobre os prejuízos ambientais precisa ser dividida entre todos nós, indo da esfera coletiva para o círculo pessoal do seu estilo de vida!

Para te ajudar no processo de adaptação a um modo de viver mais consciente, elencamos uma série de tarefas simples e práticas que você pode realizar no seu dia a dia e que são importantes para ajudar o meio ambiente. Confira de perto quais práticas sustentáveis individuais contribuem para um impacto positivo no mundo todo!

Entenda o que são práticas sustentáveis

As práticas sustentáveis partem da reflexão sobre como as suas atividades do cotidiano podem minimizar o impacto negativo no meio ambiente e quais mudanças são necessárias para que a comunidade se desenvolva nos âmbitos social, ambiental e econômico. Desse modo, a práticas sustentáveis garantem qualidade de vida para as gerações atual e futura.

Para entender melhor esse conceito, faça o exercício de revisar mentalmente todas as suas atividades do dia anterior a partir do momento que você despertou até a hora de descansar à noite.

Ao listar essas ações, reflita sobre o impacto que cada uma delas gera na natureza: os produtos que você usou no banho, a água que gastou para lavar a louça, o veículo que utilizou para levar as crianças na escola, os tipos de refeições da sua dieta alimentar e assim por diante!

Adotando um estilo de vida mais consciente ambientalmente, você escolhe viver em uma sociedade mais harmônica com a natureza.

Veja quais práticas sustentáveis você pode exercer diariamente

Mudança de hábito geralmente é um tópico complicado e que demanda tempo e atenção, certo? Mas se começarmos aos poucos, trocando gradativamente o que você está acostumada a fazer por opções mais amigáveis para a natureza, esse processo de adaptação ocorrerá naturalmente e sem dores. Conheça práticas sustentáveis e fáceis de replicar no seu cotidiano:

1) Separar o lixo de acordo com as regras da reciclagem

Em casa, encontre um espaço para colocar dois tipos de lixeira: a primeira sendo para lixo orgânico, como sobras das refeições, e a segunda para resíduos que podem ser reciclados como papelão, garrafas pet e embalagens de metal.

Esse tipo de separação é importante para fomentar a prática da reciclagem e, consequentemente, evitar o acúmulo de descarte incorreto na sua cidade.

Além de estimular a logística reversa e reaproveitamento de matéria-prima para a produção de novos objeto de consumo, você também incentivará a geração de emprego e saúde pública.

Quanto ao descarte de resíduos tóxicos como pilhas, baterias e eletrodomésticos, entre em contato com a sua prefeitura e saiba a localização do ponto de coleta mais próximo da sua casa!

2) Comprar em menor quantidade e com maior qualidade

O consumo consciente se trata de avaliar a real necessidade da compra antes de efetivá-la. Esse movimento de reflexão promove economia financeira, diminui o impacto ecológico e evita a geração de resíduos. Logo, verifique a origem do produto que você deseja comprar e dê preferência a produtos que sejam eco-friendly.

A sugestão da compra consciente também inclui a escolha por produtos que evitam o uso excessivo de materiais que demoram décadas para se decompor como, por exemplo, o plástico. Procure marcas que ofertam embalagens em papel ou outro tipo de material biodegradável.

Outra prática sustentável de consumo consciente é a compra de roupas em brechós e móveis vintage, estimulando a economia local e o reaproveitamento de peças que ainda estão em bom estado de uso!

3) Diminuir o consumo de produtos plásticos

Hoje em dia, há infinitas opções de produtos que não utilizam plástico em sua composição, basta ficar atenta aos rótulos das embalagens!

Além disso, é importante comprar objetos que podem ser reutilizados várias vezes como adquirir uma garrafa de água própria ou um copo retrátil que caiba em qualquer bolsa ou mochila!

O plástico dos canudos é considerado pelas organizações ambientais como um grande vilão a ser combatido, uma vez que é a causa da morte de milhares de animais selvagens como tartarugas e aves marinhas.

Para continuar a fazer uso desse acessório, já pensou em trocar canudos de plástico pelos canudos reutilizáveis? Eles são de fácil limpeza, auxilia na diminuição do consumo de plástico e você pode levar consigo para onde quiser!

Sabe o costume de fazer compras e carregar os produtos naquelas sacolinhas de supermercado? Imagine a quantidade de sacolas que você utiliza por ano e que vão poluir a natureza por vários séculos!

A solução é investir em ecobags, bolsas reutilizáveis que te possibilita carregar mais itens, com mais conforto e são mais resistentes que as sacolinhas. Você encontra em diversas cores, formatos e materiais que não impactam tanto o meio ambiente.

Na maioria das vezes, os lanches que você consome na rua são embalados em plásticos como isopor, para manter a comida aquecida.

Ao preferir levar comida de casa, você elimina gastos desnecessários e diminui o uso de embalagens plásticas. Faça marmitas para almoçar no trabalho e leve consigo lanches fáceis e rápidos de consumir que não exigem o uso de embalagens plásticas como banana, pêra e laranja.

4) Reduzir a quantidade de carne consumida

A agropecuária é apontada pelo Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada como um dos maiores responsáveis pelo desmatamento e contaminação do solo, além de contribuir para a perda da biodiversidade em nosso país.

Logo, a prática de diminuir o consumo de carne se torna sustentável e a favor da preservação da natureza.

Se você tem dificuldades de imaginar sua vida sem carne, faça o teste da campanha “Segunda Sem Carne”! Dedique um dia da semana para comer apenas refeições que esbanjam no colorido dos legumes, das verduras e da proteína vegetal.

Quando se sentir mais confortável com essa mudança, repita a alimentação sem carne por mais vezes durante a semana. Assim, você garante hábitos mais saudáveis e sustentáveis gradualmente.

5) Economizar no consumo de energia

Práticas como não deixar em stand by os eletroeletrônicos da sua casa, trocar as lâmpadas fluorescentes das suas luminárias por lâmpadas LED e tomar banhos de curta duração são exemplos de atos sustentáveis que chegam a diminuir sua conta de luz em até 60%! Ao economizar energia, você previne a alta emissão de gás carbônico lançado na atmosfera.

6) Usar produtos de limpeza biodegradáveis

Receitas caseiras como trocar o detergente líquido por sabão neutro em barra e usar vinagre como amaciante de roupas são ótimas dicas sustentáveis para trocar produtos tóxicos para a natureza por produtos biodegradáveis!

A poluição hídrica pode ser evitada com atos simples e práticos como esses.

7) Optar por transporte coletivo ou carona compartilhada

A emissão de CO2 pelos meios de transportes que utilizam combustíveis fósseis tem enorme impacto negativo sofrido pelo ecossistema do nosso planeta. Experiente meios de locomoção sustentáveis como a bicicleta.

Caso você tenha carro próprio, oferece caronas para as pessoas que você conhece que faz rotas similares a sua e mantenha a revisão do seu automóvel em dia para economizar combustível e filtrar adequadamente os gases expelidos pelo escapamento do carro.

8) Evitar o turismo predatório

As práticas sustentáveis podem estar presentes tanto na sua rotina normal quanto nos dias de férias! Ao viajar para outras cidades, certifique-se de respeitar o povo, a fauna e a flora local ao evitar pacotes de turismo que invadem áreas de preservação ambiental, se hospedar em hotéis que não possuem uma política ambiental eficiente e comprar ingresso para passeios que exploram os animais da região.

Com todas essas dicas incríveis, ficou mais fácil compreender o mundo da sustentabilidade e o porquê da urgência em inserir práticas sustentáveis eficientes em nosso cotidiano, não é mesmo? Compartilhe conosco sua opinião sobre o assunto nos comentários! Adoraríamos saber quais práticas você já adotou no seu estilo de vida!